sábado, 19 de novembro de 2011

19-11-2011 Frio... muito frioooo

Sempre que chega o fim-de-semana o mar sobe e lá fico eu limitado ao rio, ainda mais no inverno as capturas são cada vez mais difíceis, aqui fica um cheirinho desta manhã.



sábado, 12 de novembro de 2011

12-11-2011 Mais uma manhã á pesca

Com o verão já terminado e estas temperaturas tão baixas não dá vontade nenhuma de pescar de pato, o mar também não permite pescas, está muito revolto e tapado.

A única maneira de se matar o vicio é ir até á beira rio e sabendo que irá ser complicado tentar tirar uns peixes ou passar algum tempo de qualidade.

Com a maré muito baixa e o risco sério de perder amostras optei por um Crank top water da River2Sea, a água estava tapada e o rattling iria dar uma ajuda, necessitava também de uma amostra maior e com um bom lançamento para a meter a trabalhar longe.
Tinha esta amostra á 3 anos e foi a primeira vez que foi á água, o wobbling é apertadissimo e deixa um rasto no cimo da água que acredito ter feito a diferença hoje.

Acabei por tirar aí 2 peixes, num outro sitio bem mais longe e com uma profundidade bastante elevada usei um X-Rap de 9Cm na cor S, é uma amostra um pouco maior do que costumo usar mas que acabou por ser uma boa escolha tirando um peixe um pouco maior que o normal pelo menos para o Douro.


sábado, 5 de novembro de 2011

River2Sea Sea Beeti Crank 35F

Ontem adquiri várias amostras de insectos a pensar na pesca de superfície e noutras espécies que não o achigã.

Algumas delas ainda vêm a caminho pois foi no ebay mas uma delas foi numa loja física, trata-se de um pequeno crank da River2Sea, ao olhar para a caixa da amostra fui pescado, parecia uma daquelas amostras para apanhar pescadores, bonita, bons reflexos mas esperava dali um mau trabalhar, para dizer a verdade estava a tentar imaginar como é que aquele besouro iria nadar a direito e não de maneira a parecer uma hélice dentro de água, não parecia muito possível.

Foi exactamente neste cor que o comprei mas ainda lá vou buscar o outro mais escuro, imaginem o sol a dar neste bichinho e ele mesmo com uma recolha quase parada consegue ter um wobbling nervoso, incrível mesmo, movimenta muita água, manda reflexos, só falta fazer o pino.

A parte debaixo do bicho é plano e com 2 pequenas penas.





Depois disso foi a testes, fui testar num sitio muito batido, tentei usar uns pequenos jerks, pequenos cranks e nada, mudo para este insecto e a 3 metros de mim vejo vir o peixe direito á amostra, atirou-se com total convicção, foi pescado o peixe e eu, estou fã, ainda mais porque a pesca á superfície é o êxtase total, ver um peixe a ir direito á amostra ou saltar para a apanhar tem outro sabor.

Acredito que esta amostra vai fazer toda a diferença junto á margem, em água baixas e debaixo de árvores e principalmente em sítios onde a pressão de pesca seja muita já que não faz parte da maior parte das caixas de amostras.


Deixo-vos um pequeno vídeo com um pequeno achigã que resolveu posar para  a foto.